sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

A justiça,suas consequências e os exemplos

Este post poderá,no final da sua leitura,parecer uma coisa muito sem sentido e um pouco confusa,mas na realidade são pequenos exemplos como estes sem relação temporal ou causal visível entre si que ilustram bem a forma que as coisas tomaram.
Os castigos aplicados a dois jogadores do braga são um golpe baixo da parte do conselho de disciplina da liga.Nem sequer vou entrar aqui em pormenores se são justos ou não,não é disso que se trata,do que se trata na realidade é da coerência de quem analisa e actua sobre estes casos. Esperaram a ver se o braga caía na classificação,mas como isso não veio a acontecer e à 2ª jornada da 2ª volta o braga estar em primeiro é algo que desagrada profundamente aos bastidores do futebol em portugal.
Lá mais para sul,os ferreiros malham em terra molhada...
Há uns anos atrás mandaram para os calabouços do futebol o único clube em portugal para além dos grandes que tinha algum estofo europeu.O Boavista em 5 épocas de 1999 a 2004 teve 1 primeiro lugar,2 segundos lugares,1 meia-final da taça UEFA e foi duas vezes à liga dos campeões,numa dessas vezes na altura disputada com duas fases de grupos conseguiu precisamente chegar à 2ª fase de grupos. ...Isso foram os árbitros que estava todos comprados pelos Loureiros,era o que mais ouvia por aí nessas épocas,e que só davam lenha e não deixavam jogar... QUE FACCIOSISMO MENTAL-PARASITÁRIO!!!
Um respeitável senhor Alemão veio aqui há dias dizer o óbvio e o que mais ou menos já se sabia: não existiu pandemia de gripe A,foi tudo inventado por uns bárbaros armados em investigadores e cientistas para enriquecerem e provocarem um controlo populacional com fins dizimatórios , bando de filhos da puta que não olham a meios para atinjirem os seus fins.Mas como sempre,na dúvida "legítima" dos que se escondem sob a capa da ignorância, o assunto não é levado a sério e também, gente zelosa do nosso bem estar temos nós com fartura... veja-se a ministra da saúde.Existiu mesmo pandemia,afirma convicta.A maior fraude científico-financeira do séc.XXI conjuntamente com o climategate,segue sendo uma verdade inabalável com uma dose extra-suplementar de paternalismo científico ao serviço do bem estar e da preservação da saúde dos cidadãos......
Enquanto isso,no país portugal vão-se passando coisas do arco da velha.Só agora,os iluminados que nos (des)governam mais o (des)governador do Banco de Portugal se deram conta de uma situação muito preocupante para o futuro próximo do país.Portugal é neste momento segundo estudos europeus que não passam nas tvs portuguesas o país da união europeia com menos população activa e residente na faixa etária 30-45 anos.Que é a faixa etária onde são exploradas o máximo das capacidades de trabalho e onde há a maior força de trabalho.Esta gente deixou portugal,emigrou e este processo começou a acentuar-se de à 3,4 anos para cá,sem ninguém se importar com isso...... Mais a norte os caldeireiros não têm mãos a medir....
Entretanto,mudando um pouco o campo de visão,eis-nos chegados ao reino supremo das desventuras. O 31 de janeiro mais a sua procissão de jacobinos de farda leda,serviu de pretexto para uma tentativa de regeneração da república.Em vão,está demasiadamente podre e vai cair brevemente. Ao ritmo que se rouba e trafica influências em portugal não vislumbro outro cenário senão o de "partir tudo". A revolução já começou.
De anedota em anedota,lá vai o país pintando-se de encarnado,futebolístico entenda-se. Saiu agora uma moratória da qual o seu mentor é um roto qualquer que não consegue despir a camisola,mas falava eu de uma moratória vergonhosa que por via dela dois jogadores do dragão não podem jogar,estão suspensos,mas não se sabe de que são acusados nem quando irão ser acusados. Isto é do melhor substracto que possa haver para a tal transparência.....
Para alimentar os egos dos anti-portistas e dos anti-benfiquistas nada melhor do que este estado permanente de guerrilha,achincalhamento,confusões e interesses,próprios de um país terceiro-mundista com uma cultura emergente de quinta categoria.
Voltemo-nos agora para o regime altamente democrático e de estado de direito. Nas últimas décadas banalizou-se uma linha de pensamento que poderia claramente fazer jus ao título de "vale tudo". Lá para os lados da terra adentro os sapateiros já não pregam taxas....
Mas a saga continua,mais e novas polémicas surgirão,sempre, e em catadupa, para desviar as atenções do que é importante,e também, como não poderia deixar de ser, relativizar certas verdades e distorcer outras verdades.
E para acabar em beleza,nada melhor do que vir o (des)governador mor admestoar o povo pela TV... é preciso conter o défice(mas o que é isso afinal?),é preciso aumentar impostos. Não há ninguém disposto a dinamitar esse gajo?? O povo ignorante submete-se a esta fraudocracia submergido que está na demência materialista. E siga a rusga....

Sem comentários:

Enviar um comentário