quinta-feira, 12 de março de 2009

Metafísica do tempo-Não existe passado,presente e futuro

Se realmente não existe passado,presente e futuro,então,como justificar a nossa experiência do tempo?E como justificar a nossa existência?
Estas interrogações são legítimas e fazem parte do nosso quotidiano.
Tudo o que jamais aconteceu,acontece e acontecerá sempre,está precisamente a acontecer agora.Não se pode perceber isto.Não completamente.Mas pode-se começar a perceber.
O tempo não existe é uma série contínua.É um elemento da relatividade que existe verticalmente e não horizontalmente.Como já afirmei no post anterior,o tempo não pode ser visto como uma linha do tempo que decorre desde o nascimento de uma pessoa até à sua morte.O tempo é uma coisa de altos e baixos!Há apenas um momento-este momento-o eterno momento de agora.Todas as coisas existem em simultâneo(mesmo que a nossa experiência não o demonstre com clareza).Todos os acontecimentos ocorrem ao mesmo tempo.Este texto está a ser escrito,e ao ser escrito já foi escrito;já existe.De facto é daí que retiramos toda esta afirmação-do texto que já existe.

É isso que significa:"antes mesmo de teres perguntado,ter-vos-ei respondido"
Passado,presente e futuro são apenas funções de perspectiva,representam e simplificam a ordem transcendental da nossa vida,pois sentimo-nos mais confortáveis se pudermos(o que acontece) experienciar os diversos acontecimentos dessa forma,dando um sentido ao tempo.

Sem comentários:

Enviar um comentário